21.3.11

O nosso Governo

Agora com ponto de interrogação: o nosso Governo?

Fica-me a dúvida se o novo Governo é formado a pensar nos desafios que Cabo Verde enfrenta ou se é um Governo distribuidor de tachos. Há um excessivo desdobramento de ministérios e uma grande confusão de funções.

O que me saltou à vista foi a Economia. Pela formação do Governo não se percebe da estratégia de JMN para esse sector. Parte do sector ficou no Ministério das Infra-Estruturas e Economia Marinha, parte ficou em Turismo, Indústria e Energia, e ainda parte está no Ministério da Juventude, Emprego (emprego é matéria da economia) e Desenvolvimento dos Recursos Humanos. Aliás, este mesmo padrão de desdobramento de ministérios também está na Educação, que agora se espalha por 3 ministérios: Ministério da Educação e Desportos, Ministério do Ensino Superior, Ciência e Inovação e Ministério da Juventude, Emprego e Desenvolvimento dos Recursos Humanos (que afinal é capacitação, ou seja, educação). Também os Negócios Estrangeiros sofreram essa multiplicação ministerial: agora temos Ministério das Relações Exteriores e Ministério das Comunidades. 

Outras questões: continuo a ter sérias dificuldades com um Ministério da Juventude, sabendo que temos um país onde a esmagadora maioria da população activa é jovem. logo a juventude é algo implícito a vários ministérios: chega de centros de juventude como política! Também não encaixo um Ministério do Desenvolvimento Social e da Família, ministério esse que cheira a tacho para Felisberto Vieira, numa de toma lá isto e fica quieto. Da mesma forma, o Ministérios dos Assuntos Parlamentares é redundante com o que já fazia o Ministério da Presidência do Concelho de Ministros (que se mantêm também!), numa de tacho a Rui Semedo.

Continuamos a conceber o Estado como cosa nostra, que é consequência da falta de vozes da sociedade civil. Em momentos desses, seria indispensável ouvir politólogos ou sociólogos, que não estivessem vinculado a partidos.

4 comentários:

Cocá Silva disse...

Concordo plenamente contigo em todos os PONTOS focados! E, já não que "podemos fazer mais nada", agora aguardo as Orgânicas desse Ministérios(Melhor Mistérios)e, daí sacarmos o que vêm a ser ou qual foi mais esta "ideia" do JMN! Enfim, como dizia alguém RASUMINDO E COMPLICANDO, estou por entender as "nomenclaturas e funções" desse novo figurino de Governo! Abraços

Anónimo disse...

Caro Amigo Cesár, tenha um bocado de paciência para aguardar pela publicação, no próximo mês, da Lei Orgânica do Governo.

O Ministério do Deseenvolvimento Social é mesmo necessário.

A cultura e os assuntos parlmentares podiam estar juntos a outros ministérios.

Amilcar Aristides - TIDI disse...

touche!!

Cesar Schofield Cardoso disse...

Tidi, como vão as coisas por lá? Por cá é uma apatia incompreensível. Estamos com problemas de luz há dias e a população...tudo bem! É doentio.